< Notícias & Insights

Guia prático do recrutamento internacional

Recrutar internacionalmente é uma estratégia cada vez mais presente entre empresas inovadoras para incrementar o talent pool e trazer diversidade cultural para a empresa. 

Dentre as vantagens de abrir as portas para talentos internacionais, destacamos:

  • Custo-benefício em relação à remuneração na moeda local
  • Inserção da marca empregadora no contexto internacional
  • Fortalecimento do employer branding
  • Aumento da diversidade e atratividade da empresa

Mas antes de investir nessa modalidade de recrutamento é importante entender quais são as particularidades do processo como um todo, tendo em vista um planejamento detalhado para cada processo seletivo.

Planejamento da contratação

Para avançar com um processo de recrutamento internacional, é fundamental ter a resposta para as seguintes perguntas:

  • Que expertises você busca internacionalmente?
  • Quais são os objetivos da contratação?
  • Trata-se de uma contratação única, múltipla ou de um squad completo?

Após avaliar com cuidado e alinhar com os gestores cada um destes pontos, vocês poderão seguir para a próxima fase.

Pontos de atenção

Conduzir o recrutamento de profissionais estrangeiros envolve uma burocracia mais detalhada do que contratações convencionais. Felizmente, na The Bridge oferecemos suporte total para facilitar e agilizar ao máximo este processo.

Detalhamos os principais pontos que vão demandar sua atenção para contratar alguém fora do Brasil abaixo:

1 – Regime trabalhista

É preciso analisar qual modalidade de regime contratual é praticada no país que o profissional vive. Como isso varia de país para país, é necessário fazer a checagem das definições de regime trabalhista e suas implicações burocráticas.

2 – Regime tributário

É necessário verificar quais são os requisitos legais para que a empresa possa processar a remuneração dos funcionários e emitir uma invoice (faturamento internacional). Isso varia de acordo com o registro como “legal entity” que a empresa terá no país escolhido.

3 – Questões cambiais

A contratação em outros países pode ser um alívio para a empresa, dependendo da relação cambial existente com o Brasil. Um exemplo seria a contratação de profissionais da América Latina com remuneração em dólar, sendo uma opção vantajosa com relação à inflação.

Conclusão

O recrutamento internacional oferece vantagens muito interessantes para negócios que visam se manter escaláveis e inovadores, e por isso tem sido cada vez mais procurado por empresas brasileiras.

O acesso a talentos diversos e altamente qualificados é essencial para o desenvolvimento dos negócios, e o talent gap local não precisa mais ser um impeditivo para escalar a produtividade na empresa.

Por mais que o processo possa parecer burocrático, aqui na The Bridge fazemos o acompanhamento completo, personalizado para o seu desafio e focado na realidade da sua empresa.
Quer saber mais sobre como podemos revolucionar a sua empresa juntos? fale conosco aqui e saiba mais sobre nossos serviços.

monte sua
equipe digital

Fale conosco

Conheça o autor

Ana Luiza Magalhães
Ana Luiza Magalhães

Fale comigo
Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *